quarta-feira, 8 de novembro de 2017

Fechamento Outubro 2017 - R$9809,94 (+8,57%)

Olá blogosfera!

Não! Eu não morri! 😀

Outubro foi um mês bastante corrido pra mim. Faculdade, trabalho e afazeres pessoais sugaram toda a minha energia, tanto que não tinha nem vontade de ler os posts dos colegas da finansfera. Pra ser sincero continuo bem sem vontade, mas vou atualizar isso aqui pra cumprir com os rankings e com o principal objetivo, que é registrar minha saga.

No mês de Outubro foi vez da ABEV3 dar as caras! O aporte foi de R$838,80 em 40 papéis da companhia. Seguindo o carma do mês passado, também fechou o mês em baixa. Mas mais uma vez, isso não quer dizer NADA.

Segue abaixo os números de sempre:

Rentabilidade consolidada
Rentabilidade negativa neste mês, mas foi tão pouca que nem refletiu tanto no crescimento do patrimônio, que é o múltiplo que realmente me importa.

Patrimônio consolidade e alocação
No mais, apesar do desânimo recente, não tenho do que reclamar. Refiz meus exames de sangue na semana passada e saiu o resultado ontem. Fiquei pasmo e extremamente feliz: meus triglicerídeos baixaram de mais de 1000 para 144. Em teoria, já estou no nível saudável da coisa. Só tenho que cuidar mais para colocar os níveis de colesterol no lugar. Evolui bastante mas meu HDL ainda está baixo (apesar de bem próximo do ideal) e o LDL ainda está alto (mas também bem próximo do ideal). É continuar na rotina de exercícios e alimentação por mais 3 meses que tudo deve se adequar.

Comentei que "na teoria" estou no nível saudável, porque só consegui reduzir tão abruptamente os triglicerídeos com o auxílio de medicação. Provavelmente meu médico vai suspender a medicação e me pedir pra retornar daqui a 3 meses pra fazer outro exame e verificar se os níveis se mantiveram. Eu acho que vão se manter, porque muito disso se deve à minha mudança de hábitos. Agora posso dizer com propriedade que exercícios e dieta balanceada fazem uma grande diferença na saúde e no bem-estar.

Mas nada é tão bom que dure para sempre. Encostei meu carro na oficina ontem e vou ter que gastar mais de mil reais pra trocar o radiador. Já estava precisando trocar os pneus e agora vou ter que refazer meu planejamento para o fim de ano. Sempre otimista, penso que poderia ser pior. Eu poderia ter descoberto o vazamento depois que o motor tivesse fundido por falta de arrefecimento.

No melhor dos casos, passo só este mês de Novembro sem aportar (o que já era planejado antes da treta com o carro). Gastei bastante esse mês em refeições fora de casa e lazer. Aproveitei o tantinho que tinha sobrado pra pagar a troca de óleo do carro à vista.

No pior dos casos, só volto a aportar em Janeiro, visto que tenho planos para o final de ano e não são 2 mil reais gastos com o carro que vão me impedir de curtir minhas férias de fim de ano.

Saúde é o que importa, colegas! 😉

sexta-feira, 29 de setembro de 2017

Fechamento Setembro 2017 - R$8969,00 (+8,41%)

Olá blogosfera!

Neste mês adicionei GRND3 à carteira que, por sinal, só baixou de preço depois que comprei. Mas sabem o que isso quer dizer?


Tem um dividendo de GRND3 pra pingar, mas ainda não definiram a data. Enfim, quando pingar vai ficar na conta da corretora pra ser reinvestido. Nada de mais...

Rentabilidade consolidada
Se não fosse a desvalorização da GRND3 eu chegaria a fatídica marca dos 9k. Mas no mês que vem terei um aporte bom.

Números gerais:

Patrimônio consolidado e alocação

Rotina meio complicada nestes últimos dias. Não consegui correr nesta semana mas não fraquejo nos cuidados com a alimentação. Vou tentar retomar as corridas neste final de semana. Ando sofrendo muito com ansiedade por conta das aulas...

Um ótimo Outubro a todos!

segunda-feira, 18 de setembro de 2017

Compras de Setembro - 2017

Olá blogosfera!

O aporte deste mês foi de R$698,40 em 24 GRND3. Sigo firme na estratégia de formação da carteira, aportando em empresas que, sob minha análise, são sólidas e trarão bons rendimentos no longo prazo.

Vou compartilhar esse pensamento com vocês, porque vivo relendo meus posts pra me manter na estratégia: preciso arrumar uma forma mais rápida ou alocar mais tempo pra analisar ativos. Tenho uma lista ampla de ativos que me interessam e acabo demorando demais para me decidir. Por conta disso, não consigo lançar ordens a um preço mais baixo que a cotação atual. Dá pra conseguir algumas barganhas lançando ordens que só serão executadas em algumas semanas. O ideal ao meu ver, seria lançá-las já no dia 1º do mês e estipular um prazo de 15 dias pra ver se executa a um valor mais baixo. Caso não aconteça, cancelo a ordem e compro no preço que estiver valendo no momento. Tem que se valer da volatilidade de curto prazo.

É postulado que preço de compra (com exceção de bolhas) não importa no longo prazo, ainda mais no meu caso que aporto pouquinho todo mês. Porém, acho interessante quando se consegue comprar por um preço um pouco melhor.

No mais, melhorei um pouco meu mal humor. Na semana passada só corri uma vez, pois a semana foi tensa demais por conta do TCC na faculdade. Mas nesse fim de semana que passou corri no sábado e no domingo. Interessante que quando esse tipo de atividade começa a se incorporar na sua rotina, você acaba sentindo falta quando não faz. Na sexta-feira até comentei com a patroa que estava morrendo de vontade de correr, mas não iria por estar bastante cansado. Correr cansado não rende e você acaba arriscando a se lesionar. Falando nisso, preciso comprar um tênis novo pra correr. O meu já está velhinho e não amortece tão bem.

Sigo na montanha russa do humor, sempre torcendo para que os topos durem muito mais que as quedas... 😉